quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

De escola nova de novo


Esse negócio de escolher a escola certa é um dilema! Gabi está trocando de escola novamente. No final do ano passado fui a procura de uma nova escola, pois tivemos a necessidade de tirá-la de onde ela estava, apesar de ser uma escola excelente. Morri de pena de tirá-la de lá, mas...
Bom, escolhi por fim, dentre várias escolas que visitei e no início do ano ela começou em horário integral, assim como ela ficava na outra. Mas, conforme os dias foram passando, vi certas coisas na escola que não me agradaram e não agradariam a nenhuma mãe que se preocupa com seu filho. Vou citar um, dos vários acontecimentos que ocorreram e que me deixaram preocupada: Cheguei de manhã na escola, o portão da piscina estava aberto e as crianças da creche na beira da piscina sem um adulto por perto, pois, as únicas tias que estavam presente, uma estava limpando a salinha deles e outra na secretaria me atendendo e o pior é que liguei p/ a diretora mais tarde para passar o caso, me respondeu cheia de justificativas demonstrando não estar aceitando que estavam errados. Se eles não tem consciência de que uma criança não tem noção  do perigo e que acidentes acontecem, como vou ter confiança em deixar minha filha aos cuidados dessa gente? Gente totalmente sem disciplina e organização, como vão disciplinar minha filha? Como vou poder trabalhar sossegada? Percebi depois de comprar tudo à vista (uniforme, material e livros) que fiz a escolha errada. O que é a falta de experiência né! Não caio mais nessa de sair comprando tudo, quis fazer isso p/ deixar tudo resolvido e ficar livre, mas, aprendi que é bom dar um tempinho. Agora estou tendo que trocá-la de escola novamente. Espero ter feito a escolha certa. O que mais me agradou na nova escolhida, foram as atividades e aprendizado que a diretora fez questão de mostrar, livros,provinhas e trabalhinhos realizados pelos alunos do Jardim II, achei bem puxado. À partir da próxima semana Gabi estará iniciando um novo ciclo social e assim como na escola atual ela não teve problemas de adaptação, acredito que não terá na nova!

1° DEVER DE CASA



Alguma coisa eu vou levar de bom dessa escola! O primeiro dever de casa. Não imaginava o quanto emocionante era esse primeiro "Para Casa", assim que veio escrito pela professora. E quando eu li, fiquei toda boba e orgulhosa. Acho que foi tão emocionante pra mim, por ela estar a 2 anos na escola e ainda não tinha vindo nenhum, pois, a escola onde ela estava só daria à partir do Jardim II mesmo e tem escolas que já passam à partir do Jardim I.


4 comentários:

Lucelia disse...

Oi Beta, Miguel tb está numa escola nova e estou cheia de preocupações.. não com segurança, , são super organizados e seguros, mas ele ´vai fazer 4 anos em maio e está no Maternal com crianças de 2 anos..
QUantos anos a Beta tem?

Cida Kuntze disse...

Oi Beta, acho que a segurança é fundamental. Amanhã vai ser a primeira aula de natação da minha filha na escola, lá a piscina é coberta e fechada num ginásio, as crianças não tem acesso facilmente. Mesmo assim vou querer acompanhar essa primeira aula.
Ela já tem 6 anos, mas mesmo assim me preocupo, imagina a tua que é menorzinha.

Já deixei um recadinho no post anterior também, fiquei "babando" pelo teu passeio de asa delta.

Beijos e fica na paz!

Evelyn_mãe_da Sofia disse...

Nossa! Ainda bem que vc viu isso e tirou sua filhota de lá...
Realmente sem noção essa escola. Meu DEUS!!
Mas isso tudo tem um lado bom. Você esta ficando esperta com esse lance de escolinha e vai saber com certeza qual a melhor escolha. muitas mamães não tem tempo de visitar escola ou procurar saber como funciona de fato e quando acontece alguma coisa, são todas pegas de surpresa. Gabi ficou linda de uniforme. Beijos!!!

simplesmentemonalisa disse...

Beta que coisa mais chata! Infelizmente o mundo tá cheio de maus profissionais em todas as áreas. Eu tive um problemão na escola da Mari com um remédio que era pra ela tomar por causa da bronquite e o remédio não foi dado. Mas ao conversar sobre isso com a diretora eu achei que a postura dela foi excelente ao me ouvir e punir as pessoas que deveriam ser responsáveis por minha filha, que foram mandadas embora. Assim não tirei a Mari de lá e acertei nisso, porque não tivemos mais problemas com os cuidados das crianças.
Tenho certeza que Gabi vai se adaptar muito bem no novo colégio. (Tenta vender para alguém o uniforme que você comprou).
É muita emoção mesmo os deveres de casa. A Mari já faz desde o ano passado, a escola envia sempre nas sextas-feiras ou vésperas de feriados, é uma diversão fazer o dever junto com ela. Esses dias veio um sobre "sucatas", a gente ficou procurando pela casa tudo que poderia ser "sucata", foi tão divertido, hahahahaha
Beijoooooooos, amo mto vcs!